01 junho 2011

Brasil é destino em expansão para MSC

 

Pierfrancesco Vago, CEO da MSC Cruises interveio num painel de discussão durante a primeira edição de sempre da Seatrade South America Cruise Convention (Link) a decorrer actualmente em São Paulo, onde afirmou que “o Brasil pode tornar-se num destino de cruzeiros em expansão e com destinos disponíveis durante todo o ano, se as preocupações técnicas relativas à política de turismo sul-americana forem resolvidas com sucesso”.

Pierfrancesco Vago acrescentou que “é fundamental que seja fortalecido o diálogo entre sector de cruzeiros, reguladores e decisores nacionais, de forma a garantir o futuro do continente sul-americano como um dos mercados de mais rápido crescimento para a indústria”.
O CEO da MSC Cruises declarou ainda que o significativo crescimento da indústria de cruzeiros estabeleceu novos recordes na região durante a última temporada, com seis companhias de cruzeiros a operar com vinte navios e a transportar quase 800 mil passageiros. Para mais, um Estudo de Impacto Económico, encomendado pela Abremar, a Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos, traduziu estes surpreendentes números em impacto económico real.

Apresentado pela Fundação Getulio Vargas, numa sessão de pré-abertura da Convenção, o estudo revelou que o sector de cruzeiros foi um enorme contribuinte para a economia brasileira, representando um rendimento económico total de 814 milhões de dólares (565 milhões de euros) durante a época de cruzeiros 2010/2011.

No entanto, Pierfrancesco Vago alertou para algumas dificuldades a decorrer na América do Sul: “o boom do sector de cruzeiros pode estar em perigo por uma série de factores: O desenvolvimento da indústria está ameaçado por regras e regulamentos pouco claros; existe uma falta de incentivo competitivo na operação de certos terminais de passageiros; as infra-estruturas portuárias são fracas e pobres; e os custos operacionais são astronómicos. Tudo isto faz com que os cruzeiros na América do Sul tenham os itinerários mais caros do mundo.”
“O Brasil vai tornar-se, certamente, num dos principais destinos para todo o ano, se o diálogo à volta destes temas for bem sucedido”, disse Pierfrancesco Vago no encerramento da sua intervenção.

A Seatrade South America Cruise Convention contou com uma delegação de altos representantes da MSC Cruzeiros no Brasil. Destaque para as presenças de Roberto Fusaro, director-geral para a América do Sul; Márcia Leite, Directora de Operações da MSC Cruzeiros Brasil e Adrian Ursilli, Vice-Presidente da Abremar e Director Comercial da MSC Cruzeiros Brasil.

Sem comentários:

Enviar um comentário