19 outubro 2012

Ryndam iça a bandeira da Madeira: lapso ou cortesia

 
Na sua escala no porto do Funchal, o navio de cruzeiros Ryndam içou nas adriças do mastro principal a bandeira da região autónoma da Madeira. Terá sido esta uma cortesia do comandante do navio para com a região ou um lapso ao não içar a bandeira de Portugal?
 Não é esta a primeira vez que um navio iça a bandeira da região e não a do país do porto onde faz escala. Também já aconteceu noutras regiões ou cidades. Obrigando a lei a que seja içada a bandeira do país de escala, as autoridades competentes, neste caso a capitania do porto do Funchal, deveria chamar a atenção para esta inadvertência.
                           
Durante todo o dia, o Ryndam manteve içadas nas adriças do mastro principal as bandeira da Madeira, da Holanda (onde o navio está registado) e da Holland America Line.
O Ryndam passou pela Madeira procedente de Cádis e com destino a Tenerife, num cruzeiro com partida e chegada a Barcelona.
 

Sem comentários:

Enviar um comentário